O que é o CRM e o que ele pode trazer de benefícios para a sua autopeças

C

Não é de hoje que sabemos a importância que a comunicação pode trazer para as nossas vidas. E para as nossas empresas, principalmente. Acompanhar informações básicas sobre os itens que se tem no estoque, os valores de cada um deles, ou sobre os próximos boletos que serão pagos já é de praxe. Mas e acompanhar as informações dos seus clientes? Você se preocupa com isso? Se não, ao menos deveria…

Estudos defendem que é muito mais barato fidelizar os clientes do que adquirir novos. Segundo Kotler e FOX no seu livro Marketing Estratégico para Instituições Educacionais, os novos clientes chegam a ser 5 a 7 vezes mais caros de se conseguir que o atual. E quando se conhece os atuais, mantendo um relacionamento saudável, há uma confiança mútua e os laços ficam mais difíceis de serem rompidos.

Uma ferramenta conhecida e bastante utilizada no ambiente empresarial é o Customer Relationship Management (ou apenas CRM, como a maioria conhece). O CRM pode ser traduzido para Gestão de Relacionamento com o Cliente e é um software fundamental para manter esse relacionamento com os clientes, pois pode guardar informações valiosas, indo desde o simples telefone de contato, aos relatórios de compras realizadas por eles. E ele ainda pode ser integrado com outras ferramentas que a sua autopeças ou oficina utilize.

Através dele pode-se organizar os contatos (sendo eles, clientes, parceiros ou outro) por localidade, pelo perfil ou da forma como achar mais adequado. Dessa forma, você pode se antecipar às futuras necessidades deles, melhorar a comunicação, personalizar o atendimento e utilizar de diversos meios para melhorar os seus relacionamentos. Caso ainda não tenha na sua empresa, haverá um investimento financeiro a ser feito, realmente. Mas diversos são os benefícios. E aí, está pensando em colocá-lo na sua autopeças?

Acesse, também, o artigo sobre organização do ambiente de trabalho no link: (http://dampecas.com.br/novidades/noticia/6-dicas-para-a-organizao-no-trabalho/4).

Deixe um Comentário

0 Comentários.

Deixe um Comentário